segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Especial Oscar 2015: Sobre os Premiados! (ou E chegou ao fim!)

Finalmente aconteceu o grande dia! Foram entregues os Oscars de 2015, para os melhores filmes do ano passado. O C de Caneca, como não poderia deixar de ser, acompanhou todos os detalhes. E agora é a hora de comentar as estatuetas distribuídas e os nossos acertos.


Em um ano com tantos bons filmes concorrentes, não houve um grande vencedor da noite. Os grandes indicados, Birdman e O Grande Hotel Budapeste, com nove indicações cada, conseguiram quatro estatuetas cada. A nossa surpresa foi Whiplash, que levou três de suas cinco indicações. O equilíbrio foi tão pontuado que nenhum dos filmes indicados a melhor filme deixou de levar pra casa uma estatueta. 

O ufanista Sniper Americano, com seis indicações, confirmou sua qualidade sonoplástica e ficou com o prêmio de Melhor Edição de Som (Aposta Certa da Caneca) sua única estatueta da noite. 

Whiplash, a história de um percursionista obcecado por perfeição, rendeu a J.K. Simmons o já esperado prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Aposta Certa da Caneca). Além desta estatueta, o filme também deu a Tom Cross o merecido prêmio de Melhor Montagem difícil não reconhecer a boa utilização da temporalidade na história. A terceira estatua de Whiplash, em um filme sobre música, destacou sua sonoplastia com o prêmio de Melhor Mixagem de Som.

O aclamado Boyhood, da infância a juventude, recebeu apenas uma de suas seis indicações. Como vem acontecendo na maioria das premiações de cinema, Patricia Arquette ficou com a estatueta de Melhor Atriz Coadjuvate (Aposta Certa da Caneca) pela interpretação da mãe do personagem principal. Patricia agradeceu ao prêmio com um belo discurso sobre igualdade entre sexos.

O pouco valorizado Selma, que narra os acontecimentos na cidade de Selma, anteriores a marcha pelo direito ao voto organizada por Martin Luther King Jr. deu a John Stephens e Lonnie Lynn o Oscar de Melhor Canção Original pela autoria de Glory (Aposta Certa da Caneca). Selma e sua canção chamam atenção por serem o exato contraponto ao filme Sniper Americano, atual sucesso de bilheterias nos EUA.

Os britânicos A Teoria de Tudo (com oito indicações) e O Jogo da Imitação (com cinco) também levaram uma estatueta cada. O estreante em Oscars Eddie Redmayne recebeu pelo filme A Teoria de Tudo o prêmio de Melhor Ator (Aposta Certa da Caneca), por sua interpretação do físico Stephen Hawking no romance biográfico. E O Jogo da Imitação rendeu a Graham Moore a estatueta de Melhor Roteiro Adaptado (Aposta Certa da Caneca) ao narrar a biografia do matemático Alan Turing.

Assim como todos já previam, Julianne Moore recebeu seu primeiro Oscar, o de Melhor Atriz, pela interpretação da aclamada professora que descobre possuir Alzheimer precoce em Para Sempre Alice (Aposta Certa da Caneca e de todo mundo).



Também como esperado, O Grande Hotel Budapeste levou boa parte de suas indicações para premiações técnicas. Alexandre Desplat, que também havia sido indicado pela trilha de O Jogo da Imitação, ficou com a estatueta de Melhor Trilha Sonora (Aposta Certa da Caneca),  os figurinos meticulosamente combinados ao estilo de Wes Anderson, renderam a Milena Canoner o Oscar de Melhor Figurino (Outra Aposta Certa da Caneca). O mesmo pode se dizer do prêmio de Melhor Maquiagem e Cabelo entregue a Frances Hannon e Mark Coulier (Mais uma Aposta Certa da Caneca) pelo filme. E como já se previa o destaque, em um filme deste diretor, o acertado uso das locações, cores em cenários, combinados com os premiados figurino e maquiagem, deu a Adam Stockhausen e Anna Pinnock a estatueta de Melhor Design de Produção (Também Aposta Certa da Caneca) por este filme.

Se algum filme pode ser chamado de vencedor da noite, este filme é Birdman. O longa, que conta a história do ator de cinema decadente tentando sua re-ascensão nos teatros da Broadway, ficou com a principal estatueta da cerimônia, a de Melhor Filme (Quase Aposta Certa da Caneca).  O mexicano Alejandro G. Iñárritu também levou para casa as estatuetas de Melhor Direção e de Melhor Roteiro Adaptado (Aposta Certa da Caneca) por seus feitos no filme. Pelo segundo ano seguido, um latino vence o prêmio de Direção (Alfonso Cuarón, por Gravidade). A quarta estatueta de Birdman foi mérito do ótimo uso de câmeras e luz, a de Melhor Fotografia para Emmanuel Lubezki (Outra Aposta Certa da Caneca).

Ainda não foi dessa vez que o cinema brasileiro recebeu um Oscar. O Sal da Terra foi vencido na categoria Melhor Documentário em Longa Metragem por Citizenfour que documenta escândalo de espionagem denunciado por Edward Snowden.

#MomentoEgo
A festa foi apresentada pelo ator de cinema, tv e teatro,  Neil Patrick Harris. Neil usou piadas ácidas, cantou, dançou e ainda apareceu de cuecas num ótimo esquete mesclando Birdman e Whiplash. Um ponto alto da noite foi quando Scarlett Johansson (e seu penteado Miley Cyrus) chamou a apresentação de Lady Gaga, que em sua versão civil, cantou um mix de canções do musical A Noviça Rebelde e foi aplaudida de pé pelas celebridades presentes, emocionando, inclusive, Julie Andrews (protagonista do filme original). Outros ovacionados foram o artista rapper Common e o astro do R&B John Legend após emocionante apresentação de Glory musica tema de Selma. Eles também receberam aplausos emocionados dos astros após seu discurso de vitória pelo Oscar da Categoria.
#Fim

Nós do C de Caneca concluímos este especial Oscar 2015 bastante satisfeitos com os resultados da Cerimônia  e também a resposta que recebemos dos nossos queridos leitores durante todas as postagens. A maioria dos nossos favoritos recebeu seus merecidos prêmios. Um agradecimento especial à quem acompanhou com a gente e aos dedicados Canequeiros. E que venham os filmes de 2015!

Confira todos os Indicados e Premiados em: Especial Oscar 2015: Os Premiados!

(Cris F Santana em nome da Equipe C de Caneca)


PS. Um abraço para a arroba @caiofad que apostou conosco uma paçoca como Birdman levaria melhor filme, Ficamos realmente felizes de perder essa! E sua paçoca vai chegar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...