quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Caneca de Estreias: 02 de Setembro

Confira as principais Estreias da semana de 2 de Setembro nos Cinemas!


A Entidade 2 (Sinister 2) - trailer

Amantes do Terror estão em êxtase! (E a galera do Terror Na Caneca se inclui nisso). Nas estreias da semana, a sequência do filme que alguns chamam de "O melhor terror da década" (e que tem texto na Caneca, clica que é link). O filme, do diretor, quase estreante, Ciarán Foy, traz a história de Courtney (Shannyn Sossamon), uma jovem mãe solteira e superprotetora de dois gêmeos de 9 anos, que se muda com os filhos para uma casa em uma área rural de uma pequena cidade. Logo, ela descobre que o local foi palco de estranhos acontecimentos (os terrores e as suas casas onde famílias foram misteriosamente assassinadas..) e que sua família está marcada para morrer (ih rapaz!). Que mãe não piraria, não é não? Umas crianças aparecendo e sumindo nas sombras, uns cabeludos de máscara de Slipknot (piadinha, não me xinguem!) apesar dos clichês do gênero, até mesmo pelo legado do primeiro filme, tem tudo para ser uma boa indicação de terror (e de filme) pra semana. Tomei sustinho no trailer, confesso, e quero sim ver esse bicho no cinema (porque, sei lá porque, começo a fazer parte da galera que curte de pagar pra tomar sustos).



Entrando Numa Roubada - trailer
Claro que com dois nacionais estreando (tem um da Dani Calabresa também, só ficar de olho nas propagandas na TV) não pode faltar um deles na Caneca de Estreias. Daí que tem esse filme de André Moraes, estreando como diretor. Quando ganha um concurso de roteiros e com o prêmio R$ 100 mil para produzir um filme, Vitor (Bruno Torres), um ator mal sucedido, busca seus antigos e fracassados colegas, Laura (Deborah Secco, essa miscelânea humana) e Eric (Júlio Andrade), atores e Walter (Lúcio Mauro Filho, perdoa pai), que é diretor, topam participar do filme “Aceleração Máxima” (qualquer semelhança com algum filme de ação Hollywoodiano não parece ser mera coincidência), que se passa na estrada e tem assaltos a postos de gasolina, tiros e perseguições no enredo. O ponto é que: 100 mil reais na indústria do cinema não da pra nada (Esse filme mesmo, custou 1,8mi) e os caras resolvem assaltar de verdade os postos de gasolina pra levantar grana pro filme (que ideia podia ser melhor que essa, não é?!)! Sinto um certo tom de crítica a dificuldade em se conseguir verba pra fazer cinema no Brasil (ou 'cês acham que é a toa que todo nacional começa com 10 minutos de patrocinadores) de uma forma sutil e bem humorada (pelo menos é o que parece). É o típico filme que meu pensamento é: vou amar ou vou odiar? Em todo caso, quem for assistir, me chama!
(Duas observações: Ahh esse narrador de trailers ¬¬ e Zé do Caixão?! oO )



Ricki and The Flash - De Volta Pra Casa (Ricki and the Flash) - trailer

Vamos no cinema ver Meryl Streep tocando guitarra?! Não, você não leu errado, a diva (espaço para os outros incontáveis adjetivos) do cinema interpreta uma cantora de rock (e fez meses e meses de aulas de guitarra pra isso) nesta comédia dramática de Jonathan Demme (daquele filminho lá, O Silêncio dos Inocentes, hehehe). Meryl é Ricki Rendazzo. Com mais de 50 anos de idade, Ricki é uma cantora de rock, que sempre se apresenta com a banda The Flash (ela e um coroa gatão) em um pequeno bar. A situação financeira é precária, e ela não vê os filhos adultos há décadas. Um dia, o ex-marido Pete (Kevin Kline) liga para Ricki, avisando que a filha Julie (Mamie Gummer) foi abandonada pelo marido, e pedindo ajuda para tirá-la de um estado depressivo (Nós mulheres e nosso dom por sofrer pelos assuntos errados). A mãe retorna ao lar, e descobre que tanto Julie quanto seus dois irmãos têm muito ressentimento por causa do abandono quando eram crianças (ódio no coração também poderia ser usado pra expressar o sentimento dos filhotes). Essa é a oportunidade para Ricki fazer as pazes e tentar ser mais presente na vida deles. É. A cara é de comédia dramática com final previsível, sim. Mas é Meryl Streep (e é Meryl Streep tocando guitarra!) o que já é garantia de interpretações que valem o ingresso do cinema.



A Festa de Despedida (Mita Tova) - trailer

A menção de trailer mais fofinho da semana vai para o filme israelense (underground, hipster, cult, do Belas Artes, etc) dos diretores Tal Granit e Sharon Maymon. A comédia dramática (cheia de velhinhos fofos) conta a história dos Idosos moradores de um asilo em Jerusalém que inventam uma máquina de eutanásia para ajudar os amigos em condições críticas (lindo e polêmico). A criação é um sucesso e a fama do objeto logo se espalha, atraindo inúmeros interessados em utilizá-lo (pense sobre isso..). Para os que gostam de pagar ingresso pra ver qualidade cinematográfica alternativa (e premiada) e pra derramar umas lagriminhas (eu), é uma boa indicação.




(Cris F Santana)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...