quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Caneca de Estreias: 27 de Agosto

Confira as principais Estreias da semana de 27 de Agosto nos Cinemas!


O Homem Irracional (Irrational Man) - trailer

Podia definir esta estreia em apenas uma frase: "É um filme do Woody Allen." (Mas preciso continuar falando, então..)  Em mais um dos filmes de sua receita padrão (de sucesso), vemos o professor de filosofia e escritor Abe Lucas (Joaquin Phoenix, deixando a mulherada ensandecida no seu estilo intelectual descolado, o novo DILF), durante uma crise criativa, resolve lecionar em uma pequena cidade dos Estados Unidos. Uma de suas alunas, Jill (Emma Stone, talentosa, linda e com olhos apaixonantes, como sempre), se aproxima dele devido ao fascínio que sente pelo seu intelecto (sei, sei, sei), além da tristeza que sempre carrega consigo (pessoas lindas são sempre tristes nos filmes?). Simultaneamente, ele é alvo de Rita (Parker Posey), uma professora casada e doida pra sair da rotina que tenta ter um caso com ele (Phoenex with mel). A vida começa a melhorar para Abe quando, numa ida à lanchonete com Jill, ouve a conversa de uma desconhecida sobre a perda da guarda do filho devido à uma decisão do juiz Spangler (Tom Kemp). Abe logo começa a idealizar o assassinato de Spangler, e aí sua vida começa a mudar, imaginando se tornar o heróis desta história. Mas enfim, impossível descrever um filme de Woody Allen pela sinopse (mas espero que tenham lido mesmo assim). Vejam o trailer e me chamem pro cinema!


Hitman - Agente 47 (Hitman: Agent 47) - trailer

Bora ver porradas e tiros?! Do diretor Aleksander Bach o filme pretende parecer desses com ação, tiros e porradas na maior parte do seu tempo de tela, regada por um plot bastante sci-fi. Nele, Agente 47 (Rupert Friend) é um assassino de elite geneticamente modificado, criado para ser a máquina de matar perfeita (porque as pessoas do futuro gostam tanto de criar homens-máquinas-de-guerra?). Ele precisa caçar uma mega operação que pretende usar o segredo de sua criação para a formação de um exército imbatível. Quando junta forças com uma misteriosa jovem (Hannah Ware, que não conheço mas sempre valorizo mulheres que dão porrada nos filmes, então), que pode ser o diferencial para o sucesso da missão. Ele vai descobrir segredos de sua origem em uma batalha épica (ou isso é o que a sinopse diz). Amplamente divulgado, este deve ser o blockbuster da semana, e mais um que pretendo ver (Sempre pretendo..).
ps. Não consigo ver Zachary Quinto e não esperar que ele abra cabeças das pessoas com o dedo para observar como os cérebros funcionam.



Expresso do Amanhã (Snowpiercer) - trialer

Um cenário pós-apocalíptico glacial, humanos divididos por castas, os mais pobres se rebelando, até aí tranquilo, mais um sci-fi, só que o diretor Joon-ho Bong colocou tudo isso dentro de um trem! Apesar do nome de filme de Natal, e das crianças cantando em um coral no trailer, as semelhanças com os infantis de dezembro terminam aí. O filme acontece quando um experimento para impedir o aquecimento global falha e uma nova era do gelo toma conta do planeta Terra. Os únicos sobreviventes estão a bordo de uma imensa máquina chamada Snowpiercer (aparentemente, nada muito mais que um trem). Lá, os mais pobres vivem em condições terríveis (o mundo quase acabando e pobres continuam no mesmo lugar..), enquanto a classe rica é repleta de pessoas que se comportam como reis (o que não muda muito do atual mundo real). Até o dia em que um dos miseráveis (um mendigo a cara do Chris Evans) resolve mudar a situação, descobrindo todos os segredos desse habitat móvel. Sou boa nisso de gostar de sci-fi, então, mais um na lista do "Se for ver, me chama!". 
ps. É mesmo o Chris Evans. E o filme estreou na Coreia do Sul em Julho de 2013 e nos EUA em Julho de 2014, se você é aficionado por sci-fi e acha que já viu este por aí, pode ter visto mesmo.  


Que Horas Ela Volta? - trailer

Quando um comediante brasileiro resolve fazer um drama, já é um ponto de atenção pra mim (vide Entre Abelha), apesar de Regina Casé figurar longe da minha lista de favoritos, confesso (tirando Eu, Tu, Eles), eu fatalmente assistiria este filme da diretora Anna Muylaert (que ajudou a trazer Lucas Silva e Silva pra gente). Então, eis que mulher me ganha um prêmio Sundance de melhor atriz! Agora dei argumentos o suficiente ou ainda precisa mais?! No filme, Regina é a pernambucana Val que se mudou para São Paulo a fim de dar melhores condições de vida para sua filha Jéssica. Pra isso, deixou a menina no interior de Pernambuco e foi ser babá de Fabinho, morando integralmente na casa de seus patrões. Treze anos depois, quando o menino (Michel Joelsas) vai prestar vestibular, Jéssica (Camila Márdila) lhe telefona, pedindo ajuda para ir à São Paulo, pra prestar a mesma prova (amo as coincidências dos filmes). Os chefes de Val recebem a menina de braços abertos, só que quando ela deixa de seguir certo protocolo, circulando livremente pela casa dos patrões, a situação se complica. O filme parece discutir de forma bem aberta a coisa da relação patrão, doméstica, amizade. É a indicação (nacional, sim, porque não?!) de bom drama para a semana.


Ted 2 (Ted 2)
Também estreia essa semana, mas a minha parcialidade seria exagerada demais falando desse, então, pra quem gosta, tá avisado.

(Cris F Santana)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...