segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Inferno (por Salemme)

Inferno (2016)

Embora eu tenha ido conferir na estreia, o texto demorou um tantinho pra sair porque eu tive dificuldades em não dar spoilers.

Inferno é mais uma aventura do professor de história Robert Langdon (Tom Hanks) já velho conhecido de quem leu os romances de Dan Brown ou assistiu os filmes homônimos O código da Vinci e Anjos e demônios.

Dessa vez Robert vai acordar num hospital em Florença, com um ferimento na cabeça e amnesia, não lembra absolutamente nada das últimas 48 horas (nem como foi parar ali) e tem que sair fugido do hospital com ajuda da Dra. Sienna Brooks (Felicity Jones) quando uma atiradora invade o hospital disparando contra ele.



Chegando na casa de Sienna, ele descobre que um novo enigma espera por ele, dessa vez deixado por um bilionário que acredita num colapso mundial próximo acarretado pela superpopulação.

Enquanto corre atrás de pistas baseadas no Inferno de Dante (A divinia comédia) Robert Langdon percebe que está sendo perseguido por muitas pessoas com objetivos diferentes e não sabe mais em quem acreditar.

A direção do filme ficou por conta de Ron Howard (que também dirigiu os outros suspenses de Dan Brown) e, na minha opinião, foi o melhor filme dos três. Está eletrizante, cheio de viradas e com fotografias belíssimas.


Até os últimos dez minutos de filme eu acreditei que sairia satisfeitíssima do cinema, mas...



Quem não leu Inferno vai achar o filme fantástico. Quem leu vai achar fantástico com ressalvas.


Em ambos os casos, vale a pena conferir no cinema!



Salemme
@DaniSalemme


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...