quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Caneca de Estreias: 24 de Setembro

Confira as principais Estreias da semana de 24 de Setembro nos Cinemas!



Everest (Everest) - trailer

Sabe os dramas baseados em histórias reais?! Isso! A historia contada pelo diretor Baltasar Kormákur aconteceu em 1996, dois grupos de alpinistas liderados por Rob (Jason Clarke, o John Connor 2015, ou 2029, depende do ponto de vista) e Scott (Jake Gyllenhaal, o cara que me fez ter medo de coelhos) se unem na tentativa de escalar o monte Everest. Mas, uma grande nevasca coloca a vida de todos em risco (Se não, não seria drama, seria vídeo de férias). Com a esposa grávida (Keira Knightley, piratas, orgulho, matemática e beleza, muita beleza), Rob é menos aventureiro que Scott, se preocupando com a segurança dos membros de sua equipe. Ele lutará bastante para tentar proteger a todos (vulgo, herói do filme). Com trailers cheios de músicas dessas de elevar a tensão e situações que dão frio na espinha só de olhar (e não tô falando só da neve), é a indicação drama blockbuster da semana.


Um Senhor Estagiário (The Intern) - trailer

O trailer começa com Anne Hathaway andando de bicicleta no meio do escritório e Robert De Niro fazendo graça "sem querer" e já começo amando! (Fazer o que, gosto mesmo, ué!). Jules Ostin (Anne Hathaway, princesa sem querer, capacho da Meryl Streep, linda, talentosa, divertida) é a criadora de um bem-sucedido site de venda de roupas que, apesar de ter apenas 18 meses, já tem mais de duas centenas de funcionários (*anotando a receita*). Ela leva uma vida bastante atarefada, devido às exigências do cargo e ao fato de gostar de manter contato com o público (contate eu, Anne!). Quando sua empresa inicia um projeto de contratar idosos como estagiários (que tal isso?!), em uma tentativa de colocá-los de volta à ativa, cabe a ela trabalhar com o viúvo Ben Whittaker (Robert De Niro, precisa apresentações?). Aos 70 anos, Ben leva uma vida monótona e vê o estágio como uma oportunidade de se reinventar. Por mais que enfrente o inevitável choque de gerações, logo ele conquista os colegas de trabalho (velhinhos divertidos e fofinhos, win!) e se aproxima cada vez mais de Jules, que passa a vê-lo como um amigo. Aparentemente divertido, leve, envolvente e com seu toque de romantismo, da diretora Nancy Meyers é a indicação de comédia da semana! Da lista dos: se for ver, me chama!


Hotel Transilvânia 2 (Hotel Transylvania 2) - trailer

Tem animação no cinema, tio! Dirigido por Genndy Tartakovsky (o mesmo do primeiro filme), a sequência ainda acontece no excêntrico hotel, a vampira Mavis (na versão local, Fernanda Barrono ou Kim Possible) e o humano Jonathan (não achei, se alguém souber, me mande!) se casaram e continuaram morando no Hotel Transilvânia, já que Drácula (Alexandre Moreno, Pink, Gato de Bodas, leão Alex, e segue longa lista) ofereceu um emprego ao genro. Ele na verdade quer que sua filha permaneça ao seu lado, especialmente quando ela revela estar grávida. Eufórico com a notícia, Drácula torce para que o neto seja um vampiro de verdade e busca, indícios de que isto acontecerá (saudades noção de segurança infantil). Entretanto, o pequeno está prestes a completar cinco anos e, ao menos por enquanto, tudo indica que ele é um humano normal. Não é uma animação das mais aclamadas (ou das mais bem vendidas/divulgadas) mas parece divertida. Indicação pra levar a molecada (ou os grandinhos legais, eu) pro cinema.



A Hora e Vez de Augusto Matraga (A Hora e Vez de Augusto Matraga) - trailer

No elenco Chico Anysio, José Wilker (enfatizando a dificuldade que um longa nacional tem para ser produzido, já que ambos não ficaram no plano terreno para ver sua obra no cinema) e João Miguel., com direção de Vinícius Coimbra, uma história de um herói do sertão. Da obra de Guimarães Rosa, Augusto Matraga (João Miguel, que só vi fazer ótimos filmes) é um fazendeiro orgulhoso, valente e mulherengo, que está à beira da falência. Sua esposa Dionóra (Vanessa Gerbelli, esse talento) resolve abandoná-lo com a filha do casal, ao receber uma proposta feita por Ouvídio Moura (Werner Schunemann). A situação faz com que Augusto fique enfurecido e parta para a casa de Ouvídio, em busca de vingança (Qual o cabra que não se exalta com adultério?!). Lá ele é espancado pelos capangas de Consilva (Chico Anysio, RIP), que o marcam com ferro e o atiram em um precipício para morrer (queima a peixeira!). À beira da morte, Augusto é encontrado por um casal, que cuida de sua recuperação. Cinco anos depois ele deixa o local, completamente mudado e agora temente a Deus. E daí fica a curiosidade do que o homem vai fazer! Dica nacional da semana (e pra matar a saudade, ou não, da voz de comentarista de Oscar de José Wilker), se for ver, me chama!



(Cris F Santana)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...