segunda-feira, 5 de março de 2018

Especial Oscar 2018: Premiados

FELIZ ANO NOVO!

Tá achando a gente meio atrasado? É que aqui pra nós da Caneca desta de ano novo mesmo é a festa do Oscar. E ontem a noite foi a 90a cerimônia de premiação do Oscar, entregando as estatuetas pros filmes - e diretores e atores e editores e fotógrafos e toda a galera que faz o filme - que se destacaram em 2017. E dessa vez, com os nomes de cada categoria escritos bem grande do lado de fora do envelope, pra evitar a miss universo do ano passado. Apesar dos vários discursos falando sobre inclusão e representação, esse ano uma festinha mais contida de humor, com mais pautas importantes já incluídas no roteiro - igualdade de gêneros, de raça, assédio - e menos discurso ativista (não que isso tenha mudado a longevidade dos discursos).

oscars
Não somos o Neymar, mas também somos loucos pra ganhar uma amarelinha!

Como já era esperado, A Forma da Água foi o grande vencedor da noite, levando quatro das treze estatuetas a que concorria. Ali na cola teve Dunkirk levando três das suas oito indicações (ganhando do outro na relatividade). Outro destaque, na série "isso não devia ser destaque mas o Oscar é isso aí", foi Jordan Peele, o primeiro negro a ganhar um Oscar por roteiro original na história - é, 90 edições depois - por Corra!. E se você tá achando que não teve nada de representante brasileiro no Oscar, saiba que teve sim! o peixão de A Forma da Água o governo americano roubou trouxe da Amazonia.

"No ano em que os homens se equivocaram tanto, as mulheres começaram a sair com peixes", 
(Jimmy Kimmel, falando da "A forma de água" e infelizmente a gente sabe do que mais)

The Shape of Water
Julieta e Romeu do filme que parece francês, tem diretor mexicano, tem peixão Br, mas tem gosto de tamarindo é americano mesmo (A Forma da Água)


Confira aí o listão dos premiados:


Melhor Filme
"A forma da água"
"Dunkirk"
"Me chame pelo seu nome"
"O destino de uma nação"
"Corra!"
"Lady Bird - É hora de voar"
"Trama Fantasma"
"The Post - A Guerra Secreta"
"Três anúncios para um crime"

Melhor Diretor
Guillermo del Toro ("A forma da água")
Martin McDonagh ("Três anúncios para um crime")
Jordan Peele ("Corra!")
Greta Gerwig ("Lady Bird: É hora de voar")
Paul Thomas Anderson ("Trama fantasma")

Melhor Ator
Gary Oldman ("O destino de uma nação")
Timothée Chalamet ("Me chame pelo seu nome")
Daniel Day-Lewis (“Trama Fantasma")
Daniel Kaluuya ("Corra!)
Denzel Washington ("Roman J. Israel, Esq.")

Melhor Atriz
Frances McDormand ("Três anúncios para um crime")
Sally Hawkins ("A forma da água")
Margot Robbie ("Eu, Tonya")
Saoirse Ronan ("Lady Bird: É hora de voar")
Meryl Streep ("The Post - A Guerra Secreta")

Melhor Roteiro Adaptado
"Me chame pelo seu nome" (James Ivory)
"Artista do desastre" (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
"A Grande Jogada" (Aaron Sorkin)
"Logan" (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
"Mudbound" (Virgil Williams and Dee Rees)

Melhor Roteiro Original
"Corra!" (Jordan Peele)
"Lady Bird: É hora de voar" (Greta Gerwig)
"Doentes de Amor" (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
"A forma da água" (Guillermo del Toro)
"Três anúncios para um crime" (Martin McDonagh)

Melhor Ator Coadjuvante
Sam Rockwell ("Três anúncios para um crime")
Willem Dafoe ("Projeto Flórida")
Woody Harrelson ("Três anúncios para um crime")
Richard Jenkins ("A forma da água")
Christopher Plummer ("Todo o Dinheiro do Mundo")

Melhor atriz coadjuvante
Allison Janney ("Eu, Tonya")
Mary J. Blige ("Mudbound")
Lesly Manville ("Trama Fantasma")
Laurie Metcalf ("Lady Bird: É hora de voar")
Octavia Spencer ("A forma da água")

Melhor Filme em Língua Estrangeira
"Uma Mulher Fantástican" (Chile)
"O Insulto" (Líbano)
"Desamor" (Rússia)
"Corpo e Alma" (Hungria)
"The Square: A arte da discórdia" (Suécia)

Melhor Design de Produção
Paul Denham Austerberry e Shane Vieau and Jeff Melvin (“A forma da água")
Dennis Gassner e Alessandra Querzola (“Blade Runner 2049”)
Sarah Greenwood e Katie Spencer (“A bela e a fera”)
Sarah Greenwood e Katie Spencer ("O destino de uma nação")
Nathan Crowley e Gary Fettis ("Dunkirk")

Melhor Cabelo e Maquiagem
Kazuhiro Tsuji, David Malinowski and Lucy Sibbick ("O Destino de Uma Nação")
Daniel Phillips and Lou Sheppard ("Victoria & Abdul")
Arjen Tuiten ("Wonder")

Melhor Fotografia
Roger Deakins (“Blade Runner 2049”)
Bruno Delbonnel ("O destino de uma nação")
Hoyte van Hoytema (“Dunkirk”)
Rachel Morrison (“Mudbound”)
Dan Laustsen (“A forma da água”)

Melhor Figurino
Mark Bridges ("Trama Fantasma")
Jacqueline Durran ("A bela e a fera")
Jacqueline Durran ("O destino de uma nação")
Luis Sequeira ("A forma da água")
Consolata Boyle ("Victória e Abdul")

Melhor Canção
"Remenber me" ("Viva - A vida é uma festa")
"Mighty river" (Mudbound)
"Mystery of love" ("Me chame pelo seu nome")
"Stand up for something" ("Marshall")
"This is me" ("O rei do show")

Melhor Edição
Lee Smith ("Dunkirk")
Paul Machliss and Jonathan Amos ("Em ritmo de fuga")
Tatiana S. Riegel ("Eu, Tonya")
Sidney Wolinsky ("A forma da água")
Jon Gregory ("Três anúncios para um crime")

Melhor Mixagem de Som
Mark Weingarten, Gregg Landaker and Gary A. Rizzo ("Dunkirk")
David Parker, Michael Semanick, Ren Klyce and Stuart Wilson ("Star Wars: Os últimos Jedi")
Julian Slater, Tim Cavagin and Mary H. Ellis ("Em ritmo de fuga")
Ron Bartlett, Doug Hemphill and Mac Ruth ("Blade Runner 2049")
Christian Cooke, Brad Zoern and Glen Gauthier ("A forma da água")

Melhor Edição de Som
Richard King and Alex Gibson (“Dunkirk”)
Julian Slater (“Em ritmo de fuga”)
Mark Mangini and Theo Green (“Blade Runner 2049”)
Nathan Robitaille and Nelson Ferreira (“A forma da água”)
Matthew Wood and Ren Klyce (“Star Wars: The Last Jedi”)

Melhor Animação
"Viva: A vida é uma festa" (Lee Unkrich and Darla K. Anderson)
"O poderoso chefinho" (Tom McGrath and Ramsey Naito)
"The Breadwinner" (Nora Twomey and Anthony Leo)
"O Touro Ferdinando" (O Br Carlos Saldanha)
"Com Amor, Van Gogh" (Dorota Kobiela, Hugh Welchman and Ivan Mactaggart)

Melhor Curta de Animação
“Dear Basketball” (Glen Keane and Kobe Bryant)
"Garden Park" (Victor Caire and Gabriel Grapperon)
“Lou” (Dave Mullins and Dana Murray)
“Negative Space” (Max Porter and Ru Kuwahata)
“Revolting Rhymes” (Jakob Schuh and Jan Lachauer)

Melhor curta
"The silent Child" (Chris Overton and Rachel Shenton)
"Dekalb Elementary" (Reed Van Dyk)
"The 11 o' clock" (Derin Seale and Josh Lawson)
"My Nephew Emmett" (Kevin Wilson, Jr.)
"Waty Wote/All of us" (Katja Benrath and Tobias Rosen)

Melhor Trilha Sonora
Alexandre Desplat ("A forma da água")
Hans Zimmer ("Dunkirk")
Jonny Greenwood ("Trama Fantasma")
John Williams ("Star Wars: Os últimos Jedi")
Carter Burwell ("Três anúncios para um crime")

É isso aí! 
Bora aproveitar pra ir no cinema que a maioria dos vencedores tão chegando mesmo agora nos cinemas pt-br!

Cris F Santana, em nome da Equipe da Caneca.
(@CrisFSantana)
E um beijo pra linda da que pediu mais finaciamentos e credibildiade pra projetos de mulheres.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...